Notícias

CIOs têm planos para superar as barreiras da transformação digital. 51% dizem que planejam substituir e / ou adaptar a infraestrutura existente

Os CIOs em todo o mundo estão mais determinados do que nunca a conseguir a transformação digital em suas organizações, apesar dos contratempos experimentados no ano passado, de acordo com uma pesquisa da Logicalis.

A pesquisa, que entrevistou 890 CIOs em 23 países, descobriu informações surpreendentes para este ano. Embora os CIOs estejam determinados a alcançar a transformação digital, o otimismo sobre seus avanços em direção ao sucesso diminuiu nos últimos 12 meses.

Embora apenas 11 por cento relatem que suas organizações não têm “desejo” de transformação, aqueles que aceitam ideologicamente a transformação digital fizeram apenas avanços mínimos até esta data:

■ Apenas 5% classificam suas organizações como “inovadoras digitais”, número 6% menor do que o verificado na pesquisa do ano passado;

■ Menos CIOs (19 por cento) vêem suas organizações como adotantes precoce hoje, um passo atrás considerando os 22% do ano passado;

■ No entanto, a proporção de CIOs que se caracterizam como parte de uma maioria precoce com transformação digital aumentou de 45% no ano passado para 49% este ano, o que ilustra que, apesar das dificuldades, os líderes de TI estão avançando com os planos da transformação digital.

Superando as dificuldades

As principais barreiras para a transformação digital, dizem os CIO, incluem complexidade, custo, cultura, habilidades e problemas de segurança. Notavelmente, 44 por cento dos CIOs citam a complexidade da tecnologia legada como seu principal obstáculo, enquanto 50 por cento apontam para o custo, 56 por cento denominam a cultura organizacional como sua maior questão, 34 por cento dizem que é uma falta de habilidades e 32 por cento identificam a segurança como o maior obstáculo.

Longe de desencorajar, os CIOs em todo o mundo têm grandes planos para superar essas barreiras de transformação digital:

■ 51% dizem que planejam substituir e / ou adaptar a infraestrutura existente;

■ 51 por cento planejam tentar mudanças culturais dentro de suas organizações;

■ 38 por cento abordarão a falta de competências por meio do aumento do treinamento e desenvolvimento.

Continue lendo. (ENGLISH).