Notícias

NetApp AltaVault: combine a velocidade do disco local/cache com as eficiências de custo de armazenamento em nuvem

Por lfreeman, da NetApp

Atualmente, os backups tradicionais disco-para-disco (D2D) estão dando lugar para os backups em discos híbridos/back ups em nuvem; por vezes designado como Disk-to-Disk-to-Cloud, ou D2D2C. No caso da NetApp, o D2D2C assume a forma AltaVault Cloud Integrated Backup Appliance, onde o software corporativo tradicional envia dados localmente ao aparelho AltaVault, que faz conjuntos de backup em uma nuvem pública ou privada. A vantagem dessa abordagem de backup híbrido é que ela combina a velocidade do disco local/cache com as eficiências de custo do armazenamento em nuvem.

netapp1

Como funciona – NetApp AltaVault Cloud Integrated Backup Appliance

Como mostrado no diagrama acima, os dados são inseridos no NetApp AltaVault usando um produto tradicional de software para backup corporativo. Usando conexões de fibra óptica Ethernet ou 10GbE, os dados são duplicados, compactados e criptografados, antes de serem gravados no cache local e transferidos, de forma assíncrona, via SSL / TLS  com conexões seguras a um provedor de armazenamento em nuvem pública ou privada.

O cache do AltaVault serve como um local de armazenamento temporário de dados para backup de dados recentes e é a principal fonte quando os dados do backup precisam ser recuperados. Os segmentos de dados deletados continuam existindo como cópias somente na nuvem, pública ou privada, e o aplicativo de backup continua a ver todos os segmentos de dados como se fossem locais para o aparelho. Como os dados são retirados do cache usando um algoritmo recentemente menos usado (LRU), os backups mais recentes estão sempre disponíveis para serem restaurados diretamente do aparelho.

Como mostrado na tabela abaixo, o aparelho AltaVault suporta uma grande variedade de produtos de software de backup. Além disso, o aparelho suporta backups de banco de dados realizados utilizando comandos de backup de banco de dados nativos da Microsoft e da Oracle.

netapp2

Para destinos de backup na nuvem, o AltaVault opera em conjunto com uma grande variedade de provedores de armazenamento em nuvem pública, bem como determinadas configurações de armazenamento em nuvem privada, incluindo o próprio repositório de armazenamento do NetApp StorageGrid.

Integrando os dados com o backup em nuvem 

O data fabric desempenha um papel integral na operação do AltaVault. Ao apoiar diversos pontos finais em nuvem pública e privada, o aparelho funciona com um conjunto de dados que permite a configuração, migração e reconfiguração por meio de todo este “tecido” flexível dos provedores de nuvem.

Com o aparelho AltaVault e o data fabric, os destinos de backup na nuvem podem ser alterados de forma rápida e transparente, sempre que os requisitos de negócios disserem que os dados devem ser migrados para uma nova nuvem – por exemplo, a migração dos conjuntos de backup entre nuvens públicas ou de nuvem pública para privada com base no objeto de armazenamento.

netapp3

Durante o processo de migração para a nuvem, o AltaVault atua como um replicador de dados “sem costura”. Como os fluxos de dados partem de uma nuvem existente, através do aparelho e, em seguida, seguem para a nova nuvem, o aparelho não reprocessa os dados. Portanto, nenhum dado é retirado do cache durante o processo de migração; os dados simplesmente fluem através dos componentes de rede do aparelho. O AltaVault também aceita os dados de aplicativos de backup, sem interrupção para agendamentos, que ocorrem durante o processo de migração. Quando o processo de migração para a nuvem for concluído, o AltaVault atualiza automaticamente as suas credenciais de provedores de armazenamento em nuvem para o novo provedor e retoma a transferência de todos os dados pendentes que foram enfileirados no aparelho durante o processo.

Resumo

Há muitas razões para mudar o ponto de destino dos backups na nuvem, incluindo economias de custos, confiabilidade do fornecedor ou mesmo o desaparecimento de toda uma nuvem existente. Uma estratégia de backup em nuvem híbrida com um data fabric amplo e migração para a nuvem de forma transparente ajuda a garantir que você possa se adaptar rapidamente, caso ocorra qualquer mudança na infraestrutura dos backup de dados.